Aumentar Tamanho do Texto Tamanho do Texto Selecionado
HOME
Clique em um dos links abaixo
DESENVOLVIMENTO DA VISÃO
CONJUNTIVITES
ALERGIAS
TOXOPLASMOSE
RETINOBLASTOMA
DOENÇAS INFECCIOSAS
AMBLIOPIA
CATARATA CONGÊNITA
GLAUCOMA CONGÊNITO
VISÃO SUBNORMAL
MÁ-FORMAÇÕES
LACRIMEJAMENTO
Clique em um dos links abaixo
PRINCIPAIS PROBLEMAS
RETINOPATIA DA PREMATURIDADE
EXAMES OCULARES
CIRURGIAS OCULARES
NOTÍCIAS
ARTIGOS
APRESENTAÇÃO A MÉDICA FALE CONOSCO ACESSO
PRINCIPAIS DÚVIDAS
Crianças e adolescentes podem operar miopia?

Quando devo suspeitar que meu filho pode precisar de óculos?

Quando devo levar meu filho para o primeiro exame oftalmológico?

Por que pode ser importante conferir a visão antes dos dois anos?









Crianças e adolescentes podem operar miopia?

Apesar do grande avanço tecnológico, as lentes de contato e óculos ainda são as melhores soluções para quem tem menos de 18 anos de idade. Isto ocorre porque, assim como todo o corpo, os olhos das crianças e adolescentes continuam crescendo, o que não permite que o grau se estabilize. Uma cirurgia para a correção de grau nestas condições seria inútil, pois certamente haveria reincidência.

Já existem estudos a nível mundial sobre os mecanismos naturais que tornam o olho míope e sobre as formas de prevenir e diminuir o avanço da miopia. Porém, as lentes de contato e óculos ainda são as melhores formas de tratamento para quem não é candidato ideal à cirurgia a laser.


Voltar ao topo da página














Quando devo suspeitar que meu filho pode precisar de óculos?

Os principais sintomas são: dores de cabeça freqüentes, queda no aproveitamento escolar, fotofobia (espreme os olhos diante da luz), dificuldade para enxergar longe (espreme os olhos para enxergar melhor).

Se a criança cai com muita facilidade, não gosta de brincar em grupo e/ou assiste à televisão com os olhos muito próximos do aparelho, os pais também devem ficar em alerta.


Voltar ao topo da página














Quando devo levar meu filho para o primeiro exame oftalmológico?

Se a criança não apresentar nenhum sinal externo, nenhum problema grave e não houver histórico familiar de problemas visuais, a melhor época é entre os dois ou três anos. Caso exista histórico de uso de grau forte na família, por exemplo, a criança deve ser levada ao oftalmologista, de preferência, antes dos seis meses.


Voltar ao topo da página














Por que pode ser importante conferir a visão antes dos dois anos?

Por que o exame mostra o quanto a criança enxerga. Isto é muito importante para se verificar o resultado de tratamentos na criança com catarata (pré e pós-operada), com estrabismo, com glaucoma (pré e pós-operada), após o uso de óculos e no acompanhamento do tratamento da ambliopia.


Voltar ao topo da página




































O conteúdo deste site tem fins informativos e não pretende
substituir a consulta ou tratamento oftalmológico
Política Copyright Sitemap Sintonia Comunicação